Dicas

Por Onde Eu Comecei A Pensar Em Como Poupar?

Não importa sua idade, o ato de poupar existe desde que o mundo conheceu moedas de troca.

Primeiro olhe para você e se pergunte se você quer mudar ou se está feliz assim.

Se quer mudar, realizar o sonho daquela viagem gostosa, levar seu filho a Disney, aquele intercâmbio para falar uma outra língua perfeitamente, se quer subir no seu emprego e necessita de uma faculdade ou de uma pós-graduação, você precisa ter o FOCO e mudar. Ou acha mesmo que seu dinheirinho vai caminhando e gritando “quero ir para a poupança”?

Não importa o quanto você ganhe. Você consegue poupar, se quiser.

Vou deixar aqui algumas dicas que funcionaram comigo:

 

 

  1. Tenha uma META (poupar para ISSO). Reúna a família e fale dos planos.
  2. Pare de se vitimizar(não consigo porque o chefe isso, o país aquilo, os amigos zoam, porque vou ser julgada de pão duro, blá, blá,blá). Você é a única pessoa responsável pela sua poupança.
  3. Faça um inventário de suas roupas, e sapatos. Com certeza tem alguns que nunca usou ou que já enjoou. Doe ou coloque num brechó. Organize seu armário para que você veja o que tem e faça compras coordenadas.
  4. Organize a dispensa e veja as coisas que estão com validade vencida(descarte) e a vencer (coloque no uso). A organização da dispensa facilita as compras de mês. Compre somente o que falta.
  5. Não vá NUNCA ao supermercado sem uma lista e siga a mesma. Comece a substituir os biscoitos, as lasanhas, a comida pronta (são mais caras e pior para a saúde) pela comida de verdade feita em casa, muito mais barata e saudável.
  6. Faça uma lista do que você recebe e do que gasta. Anota tudo. Do cafezinho à gorjeta ao garoto do estacionamento.
  7. Reveja a lista e veja onde pode ser economizado. Aqui quero deixar claro que não é para viver na escassez. Avalie as saídas (tem que ser todo fim de semana? Tem que ter toda sexta aquele chop depois do trabalho? Tem que usar o carro todos os dias? E o shopping com as crianças e amiguinhos, poderia ser substituído por um lanche em casa para jogar vídeo?).
  8. Tenha um tempo para se dedicar à sua vida financeira. Assim como faz com seus filhos, com seu corpo. Tenha tempo para ver o que gastou no dia, ou no que vai precisar gastar, acesse sua conta bancária veja o que pode ser reduzido ou negociado com seu gerente. Dica: vá ao banco entre os dias 16 e 25 quando está mais vazio.
  9. Revise suas contas bancárias (para que mais de uma?) e seus cartões de crédito. Some as despesas geradas de cada conta e a anuidade dos cartões. E multiplique por um ano. Ficou chocada? É quanto poderia estar em sua poupança! Isso só dá lucro aos bancos.
  10. Todos os dias se pergunte: em que posso economizar hoje? E no que você economizar, não é para deixar na conta corrente aumentando o seu saldo. É para colocar numa conta de poupança ou de investimentos, entendeu?

Espero que essas dicas tenham feito sentido para você.

Curta a nossa fanpage: Desperte Sua Prosperidade

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *